• Alessandra Girotto

O que é preciso para uma relação dar certo?

Já pensou sobre isso: o que é preciso para uma relação dar certo? Para você, basta amor? É claro que amor é essencial, mas ele sozinho não basta. Muitas vezes amamos profundamente a pessoa que está conosco, porém as feridas e bagagens anteriores, que levamos conosco para dentro dessa relação, são grandes e pesadas demais para carregar. Sem cuidar delas, não há amor que sustente – e uma relação que poderia ser boa passa a ser um tormento.

E o que são essas bagagens?

Uma delas é tudo o que trazemos de nossa família de origem. Nossa história e a história da nossa família, nossa cultura, nosso jeito de demonstrar carinho e afeto. O que considero e não considero como amor e vínculo. Quais foram os modelos de relacionamento que presenciei e vivi. Tudo isso eu carrego comigo no meu inconsciente, para onde quer que eu vá.

Outra muito importante são (todas) as nossas necessidade não preenchidas na infância. Enquanto eu não cuido de mim e passo a me preencher, exijo que o outro me preencha (mesmo que inconscientemente). Porém, isso não é obrigação do outro – é meu dever cuidar de mim e do que eu preciso, antes de tudo. Quando eu projeto minhas necessidades infantis no outro eu saio do meu adulto e passo me relacionar da minha criança – e, aqui, não há relacionamento saudável que dê certo.

Outra que carregamos e que não quero deixar de dizer é: nossa experiência em relacionamentos anteriores também vai conosco para as próximas relações. Tudo que não curamos, não cuidamos, rejeitamos e negamos, vai conosco e passamos a jogar no outro, inconscientemente querendo que “ele” resolva”. Não preciso nem dizer que não vai funcionar, certo?

Para dar certo, além de amar meu parceiro preciso pegar na minha mão e olhar para mim. Para minhas histórias de vida familiar, dos meus relacionamentos anteriores e para todas as minhas necessidades que ainda pulsam querendo ser atendidas. A partir daí, me conhecendo bem e tomando posse de mim mesma, com responsabilidade, posso vivenciar um BOM relacionamento – saudável e prazeroso. Isso exige esforço no começo, coragem para olhar a dor e as feridas, mas vale a pena. Vale cada passo!

Desejo coragem, vontade e muito amor a todos que quiserem dar esse passo em direção e si mesmo e em direção a uma relação mais verdadeira! Se quiserem conversar mais sobre isso, só deixar um comentário aqui. Até!!

#amor #autorresponsabilidade #espiritualidade #relacionamento #autoconhecimento

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo